19.11.2019 | 11h27


MAIOR DE MT

Emanuel: HMC avança em 20 anos o SUS de Mato Grosso



O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, entregou nesta terça (18) a sexta e última etapa do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) - Dr. Leony Palma de Carvalho e concluiu dizendo que, a obra, faz o SUS avançar 20 anos em MT. O HMC possui 315 leitos, sendo 178 de adultos, 20 leitos no Centro de Tratamento de Queimados – CTQ, 60 de UTI - Unidade de Terapia Intensiva, 38 de Emergência, 06 salas de cirurgia e 13 leitos RPA (recuperação pós-anestesia).

Além disso, conta com ambulatório com mais de 13 das especialidades médicas mais procuradas pela Central de Regulação, exames como ultrassonografia, endoscopia, colonoscopia e radiografia, parque tecnológicos com equipamentos de última geração e moderno centro de imagens e ainda farmácias satélites. Com essa capacidade instalada, o HMC passa a superar todos os hospitais públicos de Mato Grosso.

Contabilizando apenas os leitos de UTI adultos do HMC, São Benedito e do antigo Pronto Socorro, Cuiabá sozinha passa a contar com 120 leitos, 20 a mais que todos os demais hospitais públicos de MT juntos. “Prometi um Pronto Socorro, e entrego o maior hospital de Mato Grosso para o povo da minha terra. Hoje colhemos os frutos de uma gestão para as pessoas mais carentes, que são os que mais precisam de mim como prefeito.

Obrigado a todos que nos ajudaram a fazer este hospital se tornar realidade: Blairo, Wellington, Pedro Taques, o ex-presidente de República, Michel Temer, e a todos que tiveram algum envolvimento. Também agradeço aos secretários de Saúde que antecederam o atual e agradeço ao Pôssas pelo brilhante trabalho. Não poderia deixar de mencionar também a equipe extraordinária que é a Comissão Pró-Implantação do HMC, que trabalho incessantemente para chegarmos a esta noite”, disse Pinheiro. Emanuel esqueceu, porém, de agradecer o governador Mauro Mendes que, quando prefeito, idealizou e iniciou a obra do hospital. Pelo jeito, o cachimbo da paz ainda não foi totalmente fumado por ambos. 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO