10.05.2020 | 10h28


DIRETO AO PONTO / VÍTIMA DO CÂNCER

Desembargador aposentado do TJMT morre aos 79 anos em Cuiabá



O desembargador aposentado Jurandir Florêncio de Castilho, 79 anos, morreu na madrugada deste domingo (10) no Hospital Santa Rosa, em Cuiabá, vítima de um câncer.

Em nota, o Poder Judiciário lamentou a morte e destacou que o desembargador deixa a esposa Laudicéia Castilho, oito filhos, 19 netos e sete bisnetos.

Jurandir Florêncio era pai de Elizabete Castilho, Juramar Ramos de Castilho, Jurandir Florêncio de Castilho Júnior (juiz da 14ª Vara Criminal), Adélia Maria de Castilho, Giselle Ramos de Castilho Teixeira (servidora do Programa Bem Viver – DRH), Wanessa Nataly Castilho (servidora da Corregedoria), Hugo Florêncio de Castilho e Breno Florêncio de Castilho.

O corpo será velado a partir das 12h, na sede do Grande Oriente do Brasil (GOB), localizada na Avenida do CPA. O velório seguirá até às 16h, e será solicitado o uso de máscaras de proteção facial, além das precauções necessárias em razão da pandemia.

O sepultamento será realizado na sequência no Cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá.

 











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Benedito costa  10.05.20 19h39
Provavelmente associado ao covid-19. Tudo agora é esse tal vírus, não se fala em outra coisa, se não, o corona.

Responder

0
0
Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO