22.07.2019 | 16h25


ENVOLVIMENTO DE PROMOTORES

Deputados vão ouvir explicações de chefe do MPE sobre grampos a portas fechadas



Apesar da Assembleia Legislativa não confirmar oficialmente, tudo indica que os esclarecimentos que serão dados pelo chefe do Ministério Público Estadual (MPE), José Antonio Borges, sobre o suposto envolvimento de promotores no esquema dos grampos ilegais, devem ocorrer a portas fechadas na terça-feira (23).

Segundo uma fonte do Legislativo, o fato da reunião ocorrer no Colégio de Líderes, às explicações do MPE serão apenas para os parlamentares, ou seja, longe dos jornalistas.

No entanto, isso não impede o procurador-geral de explanar à sociedade, por meio da imprensa, uma resposta as denúncias feitas pelos militares, réus no processo da “Grampolândia”, de que membros do MPE fizeram barriga de aluguel em diversas operações do Gaeco.

O convite para que José Antonio Borges fosse à Assembleia Legislativa partiu da deputada Janaina Riva (MDB) que teria sido, segundo os militares, alvo de arapongagem durante a Operação Metástase.











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Danilo  22.07.19 21h14
MPE e ALMT ignorando o princípio da administração pública da “publicidade”.. num país sério isso não existiria ou eles seriam expurgados dos cargos que ocupam se fizessem isso..

Responder

0
0

Enquete

ABUSO DE AUTORIDADE

Você concorda com aprovação da Lei para punir juízes?

Concordo: MP e Juízes erram muito e prejudicam pessoas de bem

Não concordo. A aprovação da lei é que é um abuso

Bolsonaro deveria vetar a lei

Bolsonaro deve sancionar a lei

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER