23.02.2020 | 11h46


DIRETO AO PONTO / CAMAROTE, BATERIA E PIPOCA

Deputados criam seus blocos e saem para o Carnaval

Líderes definem os nomes dos parlamentares que vão compor cada uma comissões permanentes



Antes de saírem para o Carnaval, os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso formaram os seus blocos que vão 'desfilar' durante essa legislattura. No "camarote", está a base do governo. O bloco ganha o nome de Assembleia Forte. Justo, uma vez que a base governista geralmente alcança os objetivos que têm, já que é a maioria esmagadora, com 14 parlamentares e no comando o líder do governo no parlamento estadual, o deputado Gilmar Dal Bosco (DEM).

Com menos da metade, o Bloco Resistência Democrática vem como a bateria. Faz bastante barulho. São 6 parlamentares liderados pela vice-presidente da Casa de Leis, Janaína Riva (MDB).

E no "pipoca",  pulando e quase não vendo nada, está o Bloco Parlamentar Unidos, com só 4 memberos e o deputado Dr. Eugênio (PSB) como líder.

Agora com as indicações dos blocos, os líderes definem os nomes dos parlamentares que vão compor cada uma das 13 alas, ou melhor, as 13 comissões permanentes. 

Veja como ficou a formação dos três blocos parlamentares:

 

Bloco Assembleia Forte:

Dilmar Dal Bosco (DEM) – líder

Carlos Avallone (PSDB)

Dr. João Matos (MDB)

Xuxu Dal Molin (PSC)

Eduardo Botelho (DEM)

Dr. Gimenez (PV)

Ondanir Bortolini – Nininho (PSD)

Paulo Araújo (PP)

Romoaldo Júnior (MDB)

Sebastião Rezende (PSC)

Sílvio Favero (PSL)

Thiago Silva (MDB)

Ulysses Moraes (DC)

Wilson Santos (PSDB)

 

Bloco Resistência Democrática:  

Janaina Riva (MDB) – líder

Delegado Claudinei (PSL)

Elizeu Nascimento (DC)

João Batista (Pros)

Lúdio Cabral (PT)

Valdir Barranco (PT)

 

Bloco Parlamentar Unidos:

Dr. Eugênio (PSB) – líder

Faissal Calil (PV)

Max Russi (PSB)

Valmir Moretto (Republicanos)

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO