11.03.2011 | 11h42


DIRETO AO PONTO

Bomba, bomba, bomba

Informações ainda não confirmadas oficialmente dão conta de que um grande grupo atacadista, que  opera em MT, pertenceria ao Unibanco/Itaú e que, por isso, gozaria de privilégios na "Justiça", cometendo abusos contra os consumidores, aproveitando-se da "cegueira" do judiciário. Nos próximos dias uma bomba neste sentido deve ser estourada, ou melhor, armada para estourar pelo MP.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO