09.10.2019 | 10h13


FAKE PAPER

Advogado preso em operação atuou em defesa de líder do Comando Vermelho



O advogado Anilton Gomes Rodrigues, que foi preso, na manhã desta quarta-feira (09), na Operação Fake Paper por fraudes ao sistema fiscal de Mato Grosso, integra a defesa de Sandro Louco, considerado o bandido mais perigoso do Estado e um dos maiores líderes da facção Comando Vermelho.

Anilton e o advogado Neyman Augusto Monteiro são responsáveis pelas ações penais do líder do Comando Vermelho em Mato Grosso, e de outros membros da facção.

Fake Paper

Anilton foi preso no bairro Goiabeiras, no apartamento da namorada e depois levado para o apartamento dele, onde foram feitas buscas. Ele é acusado de vender notas falsas a produtores rurais. A defesa do advogado confirmou que ele está prestando depoimento na Delegacia Fazendária (Defaz).

A operação investiga uma organização criminosa que falsificava documentos públicos, selo ou sinal público, e com isso promovia a abertura de empresas de fachadas, para emitir notas frias para produtores rurais.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER