29.05.2020 | 15h04


CORONAVÍRUS / ONDA CRESCENTE

Prefeito estima que pico da pandemia em Cuiabá será no mês de julho

Emanuel Pinheiro destacou que para junho é esperado um grande crescimento nos casos, no mês seguinte ocorre a estabilização e em agosto uma grande queda


DA REDAÇÃO

A Prefeitura de Cuiabá espera o pico da pandemia de covid-19 para o mês de julho. De acordo com o prefeito Emanuel Pinheiro, em junho os casos confirmados vão crescer muito, em julho estabiliza, chegando ao pico. Para o mês de agosto a prefeitura prevê que os casos começam a cair “brutalmente” e em setembro a Capital volta a ter uma situação confortável.

O prefeito destaca que os casos têm crescido na média de 7% por semana e Cuiabá registra uma baixíssima taxa de mortalidade. Até hoje são 655 casos confirmados da doença na Capital e oito óbitos. “O nosso trabalho é para achatar a curva”, enfatiza.

Pinheiro lembrou que no dia 5 de abril Cuiabá tinha 63% dos casos confirmados de covid-19 no Estado e hoje este índice é de 31%. “Os dados mostram que fizemos o dever de casa. O vírus está se interiorizando de forma muito séria”.

O prefeito enfatiza que foram quase 80 dias com a Capital “travada”, devido às medidas restritivas, mais isso permitiu ter certo controle. Destaca que neste tempo foi preparada a rede de proteção e hoje Cuiabá figura entre as capitais com menores índices da doença.

Ele enfatizou que as atividades econômicas estão sendo liberadas conforme análise dos dados técnicos, de forma gradativa e segura.











(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Lu  31.05.20 11h25
Esses discípulos de mãe Dinah estão nesta previsão mês a mês, como graças a Deus a previsão não se confirma, joga pra frente. Vão trabalhar em prol do povo isso sim e deixem de querer aparecer em manchetes de jornais pra se promoverem. Acordem, esse tempo já passou e nós eleitores não caímos mais nesse papo. Sabemos nos cuidar.

Responder

6
0
Jeniffer  30.05.20 18h59
O Sr prefeito está esperando esse pico há meses, e se aproveitando disso para mais uma vez encher seu bolso, todo essa atuação de falsa preocupação com a população... o Sr e o Botelho (e companhia) estão fazendo a farra com essas verbas enquanto a população se ocupa de ler notícias ruins do corona o dia todo.

Responder

1
1
arabe  30.05.20 18h01
eu estimo que será em 2022 ....morreremos de fome por falta de emprego e ai nao haverá mais politicos pois o povo nao conseguirá pagar os impostos ...assim nao precisamos pagar IPTU ...que prorrogou mas lá no sistema ta com juros e correçao ...bela prorrogaçao ........o pessoal ai do reportermt ve se publica viu ...................

Responder

1
0

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO