06.05.2020 | 07h25


CONEXÃO PODER / RELAXARAM DEMAIS

Prefeito estuda decretar estado de sítio e toque de recolher em Cáceres

Francis Maris diz que a medida vai depender da avaliação que fará nesta semana sobre o número de casos de coronavírus na cidade.


DA REDAÇÃO

prefeito de Cáceres (220 km de Cuiabá), Fracis Maris Cruz (PSDB) afirmou ao Conexão Poder que pode decretar estado de sítio e impor toque de recolher na cidade como medida de prevenção à disseminação do coronavírus.

Ao Conexão Poder, ele criticou o relaxamento da população no período da noite  e por isso deve decretar o fechamento dos bares.

“Provavelmente deverei voltar o decreto para fechar bares, talvez até toque de recolher à noite,  alguma coisa nesse sentido, porque a população relaxou muito nesses últimos dias, principalmente à noite. Então você encontra muitas pessoas sem máscara na rua, passeando no cais, na praia, enfim então isso está me preocupando”, comentou.

Segundo ele, durante o dia a população tem se comportado, como há um decreto que institui multa de até dois salários mínimos ao comércio que permitir a entrada de cliente sem máscara, ele diz que 90% circula de máscara na cidade.

“Já à noite vão para  os bares, vão para a praça, para a praia e já não usam tanto, principalmente os jovens e isso é problema sério”, observa.

Questionado sobre as medidas austeras, o prefeito diz que não teme as críticas de populares e da oposição porque esse é seu perfil e não descarta endurecer as medidas já na próxima semana.

“Austeridade é do meu perfil, então as pessoas já sabem que eu tomo medidas e não importa  se vão falar mal de mim, se vão reclamar, se vão julgar. Eu tomo as medidas sem preocupação. O que precisa ser feito para preservar a saúde, para preservar vidas eu  tenho feito e farei, por isso se for preciso decretar estado de calamidade, decretar estado de sítio para fechar à noite, para ninguém  circular à noite, eu tomo essa medida tranquilo, sem me preocupar”, afirmou.

Francis Maris diz que a medida vai depender da avaliação que fará nesta semana sobre o número de casos de coronavírus na cidade.

O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado aponta que Cáceres tem 10 casos confirmados. A cidade teve duas mortes de pacientes infectados com coronavírus, uma delas foi uma sobrinha do prefeito.

Atualmente o município conta com 26 Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs), 10 ventiladores mecânicos que estão sendo consertados para reforçar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios e a Prefeitura espera receber mais 10 UTIs enviadas pelo Governo do Estado.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO