17.01.2020 | 06h58


EMBATES NA ASSEMBLEIA

Dilmar detona oposição de deputados a mudanças na Previdência:' É politicagem'

O líder do Governo Mauro Mendes na Assembleia lembrou que em estados administrados por partidos da esquerda a medida foi aprovada sem embates e com taxa maior do que MT.


DA REDAÇÃO

Em entrevista ao Conexão Poder, o líder do Governo Mauro Mendes, na Assembleia Legislativa, deputado Dilmar Dal Bosco (DEM), dispara contra os parlamentares da oposição que criticaram e tentaram travar o projeto, que alterou a alíquota de arrecadação do INSS dos servidores de Mato Grosso, já que a medida é uma imposição nacional.

“Foi politicagem mesmo”, declarou Dilmar ao ser questionado sobre o posicionamento da oposição.

O deputado lembrou que em estados onde o governo é administrado por partidos da esquerda a medida foi aprovada sem embates e com taxa maior do que Mato Grosso.

“No Piauí foi aprovado em 24 horas. No Piauí o governo é do PT. (...) Se você pegar o Estado do Maranhão, onde é o PCdoB, extrema esquerda, ele colocou lá alíquotas de até 22%”, relatou Dilmar ao comparar com o embate em Mato Grosso, onde além de críticas, a oposição apresentou vários pedidos de vista para barrar a aprovação do projeto que aumentou a alíquota de 11% para 14%.

O deputado ainda comenta que as medidas de Reforma da Previdência de Mato Grosso, continuam a partir de fevereiro, quando o governo coloca em pauta a mudança na idade para os servidores se aposentarem e estabelece o teto da aposentadoria.

Nesse novo cenário, ele prevê que o embate será ainda maior.

Veja entrevista na íntegra:











(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Silvio  23.01.20 15h08
Vc e mais dezesseis deram uma facada nos inativos que tanto contribuiram para MT faltaram com o respeito ao teto do INSS, jamais esqueceremos os dezessete.

Responder

2
0
Ivonilson  23.01.20 04h09
Vc recebera o troco nas proximas eleiçoes eu lixo humano.

Responder

2
0
servidor  17.01.20 11h26
Você é uma podridão camarada covarde com os cidadão mato grossenses terá nova eleições e vamos lembrar disso queremos jogar merda na sua cara seu corrupto onde é investigado em varias ações não representa os cidadão mato-grossense sangue suga

Responder

11
1

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO