alexametrics
01.08.2011 | 13h15


CIDADES

Sequestrador de fazendeiro nasceu e morou na casa da vítima

MAYARA MICHELS     12h00
DA REDAÇÃO

A polícia procura pelo suspeito Walmor Santos da Silva. Ele é acusado de ser o mentor do sequestro do fazendeiro Marco Antônio Neves, de 36 anos, filho de Acácio Neves Francisco, conhecido como Português, rico fazendeiro da região de Vila Bela da Santíssima Trindade, para quem Walmor trabalhou por vários anos.

Durante a semana passada, 8 pessoas foram presas em flagrante, incluindo a mulher de Walmor, a vereadora da cidade, Janine Elizabeth Francisco.

Junto com a vereadora foram presos os sogros de Walmor, Waldir José da Silva e Edir Cambara da Silva, além dos amigos, Vírgilio Pedraça Surubi, José Martinho Surubi, Rivaldo Surubi Rosália e um menor, identificado apenas como L.L.T.

Segundo informações do delegado Flávio Stringueta, da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), no dia 24 de julho, a quadrilha invadiu a residência da família do fazendeiro. Walmor pediu R$ 300 mil em dinheiro ao Português, e como não tinha na residência, levou o filho alegando que assim que desse o dinheiro, o filho seria libertado.


Um cativeiro foi feito dentro da propriedade do fazendeiro e como era em um local de mata fechada ninguém tinha acesso. A vítima ficou quatro dias com em cárcere privado. O GCCO junto com os policiais de Vila Nova e Pontes e Lacerda negociaram com os criminosos através da família e conseguiram resgatar a vítima sem ferimentos.

Foram apreendidos uma espingarda na casa da vereadora, além de duas munições calibre 9 milímetros, na bolsa da parlamentar, ressaltando que a munição é de uso exclusivo das forças armadas. Duas munições calibre 16 foram encontradas na casa dos pais de Walmor. Revólveres também foram apreendidos no cativeiro com os irmãos Surubi.

Walmor Santos da Silva, marido da vereadora, é conhecido da família do fazendeiro. Walmor nasceu e trabalhou em uma das fazendas do Português por vários anos. A vítima logo reconheceu a voz de Walmor, por terem nascido e criados no mesmo local.

Segundo o delegado, a vereadora afirmou estar grávida de três meses de Walmor. Ela está na Cadeia Pública de Araputanga. Já a sogra, Edir Cambará, está presa na Cadeia Pública de Comodoro. Os cinco homens presos estão na Cadeia Pública de Vila Bela da Santíssima Trindade.

Segundo o GCCO, a vereadora e Walmor têm várias passagens pela polícia, inclusive de tráfico de drogas. A Polícia busca pelo paradeiro de Walmor, mas acredita que o mesmo pode se apresentar para a polícia como informa populares da cidade.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime