alexametrics
26.05.2011 | 20h30


CIDADES

Saúde vai pagar tabela da Unimed para hospital particular

LARISSA MALHEIROS    19h30
MAYARA MICHELS

DA REDAÇÃO

O secretário de Estado de Saúde, Pedro Henry (PP), afirmou que foi realizada há 15 dias, uma reunião com diretores dos Hospitais privados de Cuiabá para definir um convênio que amparasse as cirurgias ortopédicas de pacientes  da cidade de Rondonópolis. Na ocasião apenas o Hospital Santa Rosa fechou acordo. A revelação de Henry foi feita após o Sindicato dos Profissionais de Enfermagem (Sinpen), anunciar que vai denuncia-lo ao Ministério Público por beneficiar o hospital, do qual ele seria sócio, segundo o sindicato.

O Sinpen relatou, que o valor investido no Hospital Santa Rosa pela secretaria é de pouco mais de R$ 2,3 milhões para realizar 200 cirurgias, destacando que cada cirurgia sairá por R$ 11,8 mil, ou 10 vezes mais caras do que o valor da tabela do Sistema Único de Saúde (SUS).

Henry explicou que não há um valor fechado por cirurgia, que cada operação tem um custo e que todas elas serão tabeladas pelos preços da Unimed. Henry também enfatizou que o contrato fechado com a unidade terá este valor somente se as 200 cirurgias forem feitas em três meses.

"Não fechamos valores porque existem vários tipos de cirurgia. As de ombro é um preço, de perna outro e assim as demais. Vamos acompanhar a tabela da Unimed porque são hospitais privados e precisamos suprir as necessidades do povo, que necessita de cirurgias ortopédicas, o contrato é regular", frisou o secretário.

Henry lembrou que os Hospitais Metropolitanos em Rondonópolis e em Várzea Grande ficam prontos em três meses e, a partir de então, os contratos serão rescindidos e Santa Rosa receberá apenas pelas cirurgias feitas. O Jardim Cuiabá, que fechou acordo hoje, receberá por 20 cirurgias.

Pedro Henry finalizou, dizendo que vai processar judicialmente o presidente do Sinpen, Dejamir Soares e o "acusou" de fazer mídia para ser futuro candidato a prefeito de Cuiabá.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime