17.08.2011 | 12h31


CIDADES

Romário leva 1h30 para desembarcar e pegar mala no "puxadinho" do Mal. Rondon

ANDRÉ MICHELLS / MAYARA MICHELS    9h20
DA REDAÇÃO

O vice-presidente da Comissão de Turismo e Desporto da Câmara Federal, deputado Romário de Souza (PDT-RJ), foi vítima do caos que assola o aeroporto Marechal Rondon e irrita passageiros daqui e de todo o país, que aqui desembarcam.

O baixinho, durante coletiva de imprensa, ontem (15), em Cuiabá, detonou o local e disse que o "puxadinho" pode tirar a Copa de Cuiabá. Romário contou que, ao chegar durante a madrugada, no aeroporto, seu voo era o único desembarcando e, mesmo assim, levou nada menos que 1h30 para completar o desembarque e pegar sua bagagem na única esteira do local.

"O caos no aeroporto é o principal problema da cidade. É realmente um problema gravíssimo que vocês têm aqui em Cuiabá. Cheguei de madrugada, e no pátio só tinha o meu voo, sem brincadeira tive que esperar cerca de 1h30 para pegar a minha mala, foi um transtorno", contou Romário.
Sobre as obras do aeroporto Romário disse que a Comissão irá conversar com a presidente Dilma e contar as dificuldades que estão ocorrendo.

A Comissão também vai pedir à Infraero que adiante a entrega das obras para final de 2012, e não julho de 2013 como esta o calendário.

As obras no puxadinho já começaram e, segundo o secretário extraordinário de Acompanhamento da Logística Intermodal de Transportes do Estado, Francisco Vuolo, foram feitos os serviços básicos.

O MOP do Aeroporto está sendo construído pela Engeglobal Construções Ltda. A previsão é que em 150 dias, no mês de dezembro, o novo terminal provisório esteja pronto. O investimento no MOP é de R$ 2,4 milhões. O local será desmontado, assim que a reforma geral estiver concluída.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO