alexametrics
23.06.2011 | 15h28


CIDADES

Prefeito preso por pedofilia terá contas auditadas por interino

MAYARA MICHELS
DA REDAÇÃO

O prefeito em exercício de Dom Aquino, Donizete Alves Araújo (PT) assumiu o cargo há dois dias e disse que já encontrou diversos problemas na administração da prefeitura. Segundo ele a primeira coisa a ser feita será uma auditoria nas contas da prefeitura, que começa na segunda-feira (27). "Preciso saber onde estou pisando, para isso vamos fazer uma auditoria aqui para saber o que tem e o que falta", afirmou o interino.

Donizete assumiu o cargo na terça-feira (21). Ele é vice de Zeferino, preso por pedofilia no dia 18 de junho. Com o pedido de afastamento do prefeito, feito pela Câmara de Vereadores, Donizete terá 90 dias de mandato, podendo ser prorrogado ou até assumir de vez a prefeitura, dependendo das investigações contra o prefeito.

Funcionário público e professor de matemática na cidade, Donizete afirmou que durante todo o tempo que permaneceu como vice, nunca pode participar e interagir com Zeferino.  "Ele sempre deixou claro que não queria que eu me envolvesse. Pediu para que eu ficasse trabalhando como professor que ele cuidava da prefeitura", revelou.

A primeira ação que será feita na cidade, segundo a nova administração é asfaltar algumas ruas. "Foi feito um trabalho de troca de tubulação e a empresa deixou as poucas ruas que tem na cidade todas esburacadas, porque fizeram o serviço pela metade. Hoje a cidade é só poeira", disse.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime