alexametrics
08.06.2011 | 10h38


CIDADES

Operário é vendido para empresário carioca

ROBSON BOAMORTE 09h36
FUTEBOLMT

Aliviado. Não há outro sentimento que expresse o que o ex-proprietário do Operário, Aílton Azambuja, sente no atual momento. O empresário carioca Sebastião Viana desembarca hoje em Várzea Grande para sacramentar o acordo de repasse do Chicote da Fronteira. "Eles chegam hoje [terça-feira] e amanhã vamos ao cartório para que fique tudo conforme a lei. Estou aliviado, não vejo a hora de resolver essa situação que está sendo muito onerosa para mim", admitiu.

O acordo é definitivo, ou seja, o novo mandatário será Sebastião por tempo indeterminado. "Agora serei apenas um torcedor. Confesso que não sei mexer com futebol. É melhor que pessoas realmente da área assumam o clube", desabafou Azambuja que confirmou a permanência de Hirideu Cipriano na diretoria do clube.

Pelo acordo que será firmado amanhã, Sebastião irá assumir todas as dívidas do Operário, que giram em torno de R$ 400 mil. "Ele já levantou todos os dados sobre a situação do clube. Não vou receber nada, apenas a tranquilidade de tocar meus negócios sem as dívidas do Operário", finalizou.

Sebastião é empresário e dirigente e futebol na capital fluminense. Ele é um dos investidores do Grêmio Esportivo Bagé, clube que forma atletas. Com Viana, 25 jogadores chegarão para levar o Chicote da Fronteira de volta a elite estadual.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime