03.04.2020 | 09h44


CIDADES / "MAIS MÉDICOS"

Ministério da Saúde abre 56 vagas em 32 municípios de Mato Grosso

Médicos brasileiros deverão, no período de 06 a 13 de abril, se apresentar nos municípios escolhidos; já os médicos cubanos deverão se apresentar no período de 07 a 11 de maio para o preenchimento das cinco vaga



O Ministério da Saúde contemplou 32 municípios mato-grossenses com 56 vagas para contratação de médicos pelo Programa Mais Médicos. Os profissionais que se cadastraram deverão se apresentar, durante o período de 06 a 13 de abril, aos municípios habilitados.

As vagas estão destinadas para médicos com diploma revalidado no Brasil ou formadas em instituições nacionais de educação superior.

Mais informações sobre a adesão às vagas, podem ser obtidas nos Editais em anexo. As vagas foram distribuídas conforme a tabela a seguir.

Municípios que fizeram a adesão 

N° de VAGAS

Alta Floresta

2

Araputanga

1

Barão De Melgaço

2

Barra Do Garças

3

Bom Jesus Do Araguaia

1

Cáceres

2

Canarana

1

Cotriguaçu

2

Cuiabá

4

Diamantino

1

Distrito Sanitário Especial Indígena Araguaia

1

Distrito Sanitário Especial Indígena Cuiabá

1

Distrito Sanitário Especial Indígena Kaiapó Do Mato Grosso

1

Distrito Sanitário Especial Indígena Xingu

2

Feliz Natal

1

Gloria D'oeste

1

Indiavaí

1

Mirassol D'oeste

2

Nortelândia

1

Nova Canaã Do Norte

1

Nova Mutum

2

Nova Olímpia

1

Nova Santa Helena

1

Poxoréo

1

Rondonópolis

2

São José Do Rio Claro

1

Sinop

2

Sorriso

1

Tangará Da Serra

11

Terra Nova Do Norte

1

Vila Bela Da Santissima Trindade

1

Vila Rica

1

Total MT

56

 

Cubanos são reintegrados

Os médicos cubanos oriundos da cooperação internacional serão reincorporados ao Programa Mais Médico. Para esses profissionais estrangeiros, estão previstas (05) cinco vagas em Mato Grosso. Os cubanos deverão se apresentar no período de 07 a 11 de maio para o preenchimento das cinco vagas nos seguintes municípios de Mato Grosso: Araputanga (1), Barra do Garças (1), Colíder (1), Juara (1) e Tangará da Serra (1).  

A seleção contará com quantas chamadas forem necessárias, elas serão realizadas na medida em que forem remanescendo vagas não ocupadas no projeto – seja em decorrência do encerramento das atividades e dos desligamentos por quaisquer motivos de médicos aderidos em ciclos anteriores, bem como das vagas que remanescerem não ocupadas nas chamadas da seleção do Edital SAPS/MS nº 5/2020.

Desta forma, as chamadas serão mantidas até que sejam alocados todos os médicos com manifestação de interesse validada, que tenham indicado municípios nas chamadas anunciadas e que não tenham obtido êxito na alocação.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO