01.06.2011 | 10h29


CIDADES

Mais 40 funcionários demitidos; maioria é de enfermeiros

FERNANDA LEITE  17h21
DA REDAÇÃO

A prefeitura voltou a demitir funcionários contratados do PS de Cuiabá. Desta vez foram 40. A maioria, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

O presidente do Sindicato dos Profissionais de Enfermagem de Mato Grosso (SINPEN-MT), Djamir Soares, já havia reclamado do impasse das demissões, e afirmou não se surpreender com os próximos acontecimentos.

Segundo uma enfermeira, que vamos descrever apenas por Vanda, as demissões são justificadas, a todo o momento, como sendo o tempo de serviço, porém existem pessoas que exercem cargos há mais de 20 anos. "Existem pessoas que não exercem função alguma, e estão na folha de pagamento há anos", acusou.

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio de assessoria, disse que as demissões são decorrentes do pedido do Ministério Público Federal (MPE), que exige a exoneração de funcionários comissionados que estão lotados na unidade de saúde por mais de 15 anos.

No mês passado a prefeitura já havia demitido cerca de 300 servidores, a maioria enfermeiros. Já na semana passada, um novo impasse. Os enfermeiros do Hospital Bom Jesus ficaram sem salários e acusaram a prefeitura de não honrar o repasse de R$ 500 mil para a unidade.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO