alexametrics
12.05.2011 | 13h18


CIDADES

Incra vai vistoriar terra invadida por índios xavantes de MT

G1 12h08

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) vai enviar 12 técnicos para fazer uma vistoria na área invadida nesta quarta-feira (11) por cerca de 125 índios xavantes, em Alto Boa Vista, região do baixo Araguaia de Mato Grosso. Segundo o superintendente do Incra no Estado, Willian Sampaio, a equipe vai elaborar um levantamento dos posseiros que se enquadram no perfil dos beneficiários da reforma agrária.

Os indígenas alegam que a recente invasão ocorreu porque a terra estaria sendo arrendada para outras pessoas formarem mais pasto. Eles reivindicam a terra Maraiwatsede, ocupada por fazendeiros há mais de quatro décadas. Na década de 60, os índios xavantes foram retirados da área e levados para uma aldeia distante 400 km da região, com ajuda do governo federal. Desocupada, a terra dos índios foi vendida. Mas a justiça reconheceu o direito dos xavantes ocuparem a reserva, tida como sagrada. Só que os fazendeiros permanecem no local com ajuda de recursos que suspendem a decisão judicial.

Por telefone, o cacique Damião Paradzane disse que só vão deixar a fazenda após conversar com representantes do Instituto. O proprietário da terra não foi localizado para comentar o assunto.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime