13.08.2011 | 12h08


CIDADES

Hemocentro faz campanha para pais doarem sangue

DA REDAÇÃO 11h03

O MT - Hemocentro lança a campanha com o slogan "Pai - a Certeza de um Amigo Doador". A Secretaria de Estado de Saúde, por meio do MT - Hemocentro, lançou a Campanha Estadual de Doação de Sangue, com o slogan "Pai - a Certeza de um Amigo Doador". A ideia da campanha é transformar o ato de doar em um hábito de vida saudável entre a família e estimular pais e filhos ao convite de serem doadores. A campanha de doação vai até o dia 13 de agosto.

Para aumentar o número de doadores e torná-los frequentes, a Saúde do Estado aposta no "hábito" de pais e filhos doarem sangue juntos. "Queremos contar com o envolvimento de todos que já doam sangue da mesma família e pedir para que os pais convidem seus filhos. Com isso criaremos uma corrente, onde cada doador da família chama mais um doador", explica a diretora do MT - Hemocentro, Eliane Rabane.

O MT - Hemocentro é o ponto principal para receber os doadores. O ônibus do MT-Hemocentro ficará parado em vários pontos estratégicos, como praças, em frente a shopping, e área comercial da Região Metropolitana onde os doadores poderão se dirigir para o ato de doação.

"Operamos em constante estado de emergência no que diz respeito aos estoques de sangue. Todos os dias centenas de procedimentos hospitalares são realizados e, em muitos deles, o sangue está presente. Por isso, é necessário que sempre haja estoque no MT - Hemocentro para atender toda essa demanda. A exemplo, a transfusão é necessária em cirurgias de grande porte, como as pontes de safena, também para hemofílicos, para pessoas que sofrem de câncer e se submetem à quimioterapia e para pacientes de hemodiálise, entre tantos outros procedimentos", lembrou da diretora.

QUEM PODE DOAR SANGUE

Candidatos com aspecto saudável, declaração de bem-estar geral e idade entre 18 anos completos e 67 anos, 11 meses e 29 dias. Podem ser aceitos candidatos à doação de sangue com idade de 16 e 17 anos, com o consentimento formal do responsável legal. E, em caso de necessidades tecnicamente justificáveis, o candidato cuja idade seja inferior a 16 anos ou superior a 68 anos somente poderá ser aceito após análise pelo médico do serviço de hemoterapia, além de peso mínimo de 50 kg.

A recomendação do Ministério da Saúde é que as pessoas doem sangue, no máximo, três vezes ao ano. Os homens podem doar a cada três meses e as mulheres, a cada quatro meses, devido aos intervalos do ciclo menstrual.
Após a doação, o sangue é submetido a nove tipos de exames, capazes de identificar doenças como a aids, sífilis, doença de chagas e hepatites. O doador também passa por um exame clínico que inclui uma entrevista.

PESSOAS QUE NÃO PODEM DOAR

Aquelas que tiveram hepatite após os dez anos de idade, mulheres grávidas ou que estejam amamentando, pessoas expostas a doenças transmissíveis pelo sangue, como AIDS, hepatite, sífilis e doença de chagas, usuários de drogas, pessoas que fizeram tatuagem ou colocaram piercing, nos últimos 12 meses, em estabelecimentos não controlados pela Vigilância Sanitária, pessoas que tiveram relacionamento sexual com parceiro desconhecido ou eventual, sem uso de preservativo, no último ano.

O MT- Hemocentro está situado na Rua 13 de junho, nº. 1.055, Bairro Centro,Cuiabá-MT.

Com assessoria.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO