alexametrics
17.05.2011 | 19h55


CIDADES

Galindo e Murilo “imploram” para Estado assumir PS

MAYARA MICHELS  16h56
DA REDAÇÃO

O governador Silval Barbosa afirmou na manhã desta terça-feira (17), que os prefeitos Chico Galindo e Murilo Domingos procuraram o Secretário de Saúde Pedro Henry na última sexta-feira (13), e fizeram um apelo para que o estado assuma a gestão dos Prontos-Socorros de Cuiabá e Várzea Grande. "O estado é capaz de assumir esse problema, mas estamos estudando o caso para não apenas transferir o problema e sim assumir um modelo de gestão que irá resolver ", afirmou Silval.

A estadualização do Pronto Socorro foi discutida em reunião com o governador Silval Barbosa e presidentes dos poderes. Segundo Silval, na reunião foi mostrado o planejamento que o estado estabeleceu para a área de saúde em todo o estado de Mato Grosso,desde a atenção básica alta hospitalar a alta complexidade. A Assembleia Legislativa, Ministério Público, Tribunal de Justiça, Defensoria Pública concordaram a o planejamento do estado.

Silval afirmou ainda que caso o estado assuma, um convênio deverá ser feito com os 32 Hospitais Regionais de todo o estado. A proposta é de repassar um adicional a mais para os médicos do interior, para que eles atendam os pacientes evitando que venham para Cuiabá. Além de abrir uma licitação para a contratação de uma Organização Social (OS) para administrar os Prontos-Socorros.

Agora, o governador aguarda uma resposta em definitivo dos dois prefeitos. Caso eles aceitem as condições o estado abre o processo de licitação para a contratação de uma OS ainda esta semana. O prazo da licitação vai de 40 a 60 dias para a efetivação de uma empresa.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime