alexametrics
14.02.2011 | 17h25


CIDADES

Fiscalização fecha o bar Ruinas e Caldeirão do Show em Cuiabá

DA REDAÇÃO 17h19

A Ação Integrada de Fiscalização Urbana realizou neste final de semana, a vistoria nos estabelecimentos que foram notificados na semana passada devido a irregularidades no funcionamento. Foram interditados por descumprimento à legislação o Bar Ruínas, localizado na Candido Mariano e Caldeirão do Show, localizado na Av. Brasil, entrada do Bairro Morada do Ouro. Todos os proprietários já haviam sido orientados e notificados pelos fiscais que integram a ação, ressaltou o Fiscal, Ademir Gomes de Moura.

"O estabelecimento comercial "Ruinas" encontrava-se em atividade de funcionamento em descumprimento com a legislação municipal. Na semana passada a fiscalização da Prefeitura já tinha interditado o estabelecimento, mais o mesmo funcionava com uma licença sem validade. Em Cuiabá, os comerciantes que não possuem Alvará para funcionamento, Alvará de 2011 vencidos e sem estrutura física adequada para o condicionamento do ruído em seu interior, não podem colocar em atividade seu estabelecimento".

Só no mês de janeiro a fiscalização da Diretoria de Gerenciamento Urbano (DGU), contabilizou 171 denúncias atendidas e sete não atendidas. Entre elas reclamações da perturbação ao sossego público, alvará de funcionamento, veículos apreendidos e processos de aferições de som em loja.

Os comerciantes, como as equipes de fiscalização da prefeitura municipal entendem a importância da manutenção da fiscalização. "Sempre esperamos encontrar os comércios funcionando dentro da lei, mas ainda acontecem casos de estabelecimentos fora dos padrões adequados como, por exemplo, bares com alvarás vencidos e estabelecimentos que fomentam o comércio informal. É por isso que o trabalho não pode parar", destacou Ademir.

O Secretário Adjunto da SMADES, Anildo Aparecido de Arruda, informou que continua as orientações sobre alvarás de funcionamento e poluição sonora nos plantões a noite de quarta a domingo . Depois desse período, esses estabelecimentos receberam novas vistorias e os que não se adequarem serão multados ou interditados até que providencie as orientações recebidas.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime