12.05.2011 | 16h40


CIDADES

Festa de Santa Rita de Cássia comemora 117 anos e agita fiéis em Cuiabá

INARA FONSECA  11h54
DA REDAÇÃO

Começa sábado (14), na Capela Santa Rita de Cássia, a tradicional festa em homenagem a padroeira dos casos desesperados e impossíveis. Entre os dias 14 e 22 de maio acontece novena ao meio-dia. No dia 22 de maio o festejo é encerrado com procissão seguido de missa e jantar com show regional. Em 2011, a festa comemora 117 anos.

Em Cuiabá, Santa Rita de Cássia possui cinco capelas dedicadas a ela. A festa chega a mobilizar famílias inteiras. "Todo ano minha família e eu participamos, é uma tradição.", afirmou Marli Barros, festeira e devota da Santa.

"Os santos na igreja são sinais, são setas vivas. Pessoas que viveram como nós, com limitações, defeitos e problemas, mas disseram sim a Deus. Santa Rita sempre quis servir ao Senhor, porém foi abrigada a casar-se e após ficar viúva realizou seu sonho", explicou a professora Iracema Caldas.

De acordo com a rainha da festa, a professora Enir da Silva Moreira, 62 anos, a expectativa é que entre cinco e seis mil pessoas participem do evento.

No último dia de festa (22) os devotos percorrerão ruas próximas da capela levando a imagem da santa. À noite, após a missa, os fiéis comemoram com jantar e shows. Neste ano, os cantores regionais Henrique, Claudinho e Pescuma, e as duplas Walter Albano e Ireno e JB e Alessandro serão as atrações. Os artistas se apresentam sem a cobrança de cachê.

A entrada para o jantar custa R$10 e o cardápio é Maria Izabel com farofa de banana.

Asilo Santa Rita

A Capela Santa Rita de Cássia mantém o Asilo Santa Rita, no qual 40 meninas entre 5 e 12 anos são amparadas. Segundo Eliana Rondon, o objetivo do evento é ajudar no sustento do asilo. "Toda a renda será destinada as meninas do asilo", explicou.

O asilo recebe meninas desamparadas pela família e recebe doações durante todo o ano. A festa também conta com doações para sua realização. "A ajuda da população é muito importante, pois estamos fazendo algo por estas meninas", ressaltou Eliana.

Os interessados em fazer doações ou obter mais informações podem ligar no 3624-9277.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO