12.01.2011 | 21h46


CIDADES

Estilista morre junto com família em deslizamento no RJ

TERRA    21h30

Uma tragédia destruiu a família do executivo do Banco Icatu, Erick Connolly, nesta quarta-feira. Os pais do empresário, Armando e Christine, três filhos, Igor, Nina e Axel, a irmã Daniela, o sobrinho João Gabriel e o cunhado Alexandre estão entre as 14 pessoas que morreram soterradas em um deslizamento de terra que atingiu a casa onde estavam hospedados no Vale do Cuiabá, em Itaipava. A mulher e a filha mais velha de Erick sobreviveram e estão internadas em estado de choque no Copa D'Or, na Zona Sul da capital.

>> FOTOGALERIA: Veja fotos da destruição de Teresópolis

A família estava hospedada em uma casa alugada do sítio da cunhada da vereadora Andréa Gouvêa Vieira (PSDB), Ângela Gouvêa. Ao todo, 16 pessoas comemoravam o aniversário do pai de Connolly, Armando. Erick estava no trabalho, no Rio, no momento do desastre.

A estilista Daniela Connolly, irmã de Erick, de 39 anos, foi uma das vítimas da tragédia. Ela, o filho, o marido, Alexandre França, o filho, João Gabriel, e a babá foram vítimas do desabamento.


Daniela Conolly era dona da grife Koolture. Ela se formou em Design Gráfico em 1996, pela Parsons School of Design, em Nova York, nos Estados Unidos. Morou 10 anos fora do Brasil, oito deles em Manhattan, onde trabalhou com design para publicidade e para o mercado editorial, em empresas como a Condé Nast Publications, Newsweek e Ink & Co.

A casa em que a família Connolly estava hospedada fica em frente à pousada Tambo Los Incas, que também foi arrasada pelas chuvas, mas não haviam hóspedes no momento do alagamento.

A Defesa Civil de Petrópolis afirmou, na tarde desta quarta-feira, que as equipes que estão nos locais mais devastados pelas chuvas informaram que o número de mortes pode passar de 40, pois "muita gente foi arrastada pelas águas da região". Até o momento, 18 pessoas morreram devido aos deslizamentos de terra no município.

De acordo com a Defesa Civil, a água nas localidades de Vale do Cuiabá, Estrada das Arcas, Gentil, Madame Machado e Brejal subiu mais de cinco metros e muitas casas foram destruídas pelas casas.

ncia O Dia
Foto: Cristiano Lopes / Agência O Dia










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO