10.11.2019 | 09h45


CRIME AMBIENTAL

Dono de lava jato é detido por poluir córrego com tinta vermelha

O acusado confessou aos policiais ter lavado um contêiner sujo de tinta vermelha, mas quando percebeu que era muito produto, encerrou o serviço.



Policiais militares prenderam na sexta-feira (08) um homem, identificado pelas iniciais W.A.S.O., 27 anos, por crime ambiental, no bairro São Sebastião, em Araputanga (345 km de Cuiabá). 

De acordo com o boletim de ocorrência, servidores da prefeitura procuraram os militares relatando um possível crime ambiental, no córrego Bacuri.

O leito do córrego estava com água vermelha semelhante à tinta. A denúncia descrevia ainda que o resíduo teria sido jogado na rede de captação pluvial.

Os policiais saíram em busca do suspeito pelo crime e foram informados de que a origem do descarte seria um lava-jato.

No local, os agentes encontraram o acusado, que confessou ter lavado um contêiner sujo de tinta vermelha. Ainda segundo ele, quando percebeu que era muito produto, encerrou o serviço.

Foram apreendidos cinco contêineres com restos do mesmo produto que poluiu o córrego. O homem foi encaminhado à delegacia para as devidas providências











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO