alexametrics
08.05.2011 | 12h55


CIDADES

Cuiabá está com asfalto "vencido" há mais de 20 anos

MAYARA MICHELS 15h30
DA REDAÇÃO

O secretário de infraestrutura, Paulo Borges, afirmou que os asfaltos na Capital não suportam os 300 mil veículos que circulam diariamente na cidade. Desses, 100 mil são caminhões e ônibus. "O asfalto da cidade está cedendo, um exemplo é a Avenida Isaac Póvoas, que está cheia de ondulações. Os asfaltos têm cerca de 30 anos e eles foram feitos com a durabilidade de apenas para 10 anos", afirmou Borges.

Segundo ele, o programa MultiAção irá resolver todos os problemas das vias públicas de Cuiabá. Nos próximos dias um recapeamento será feito ao longo de toda a Avenida Isaac Póvoas. A operação irá tapar todos os buracos da cidade e realizar o recapeamento de avenidas que estão com asfalto precário.

A ação que começou um pouco mais de um mês, já regularizou o recapeamento de 20 km das avenidas no centro da Capital. O problema é que, nesta terça-feira (3) uma equipe estava no centro da cidade pintando as grandes de canteiros de avenidas, e resultou em um grande congestionamento de veículos nas principais avenidas da cidade.

O arquiteto João Leão que transita várias vezes no centro de Cuiabá, perdeu compromissos devidos os congestionamentos provocados pelos homens na pista. "Fico feliz por saber que estão arrumando as ruas e tapando os buracos, mas também quando entro em um congestionamento no meio do dia, me da um nervoso, porque me atraso nas visitas e até perco oportunidade devido a demora. Esses trabalhos tinham que ser feitos a noite", disse o arquiteto.

A operação é resultado dos recursos arrecadados com o IPTU 2011 (Imposto Predial e Territorial Urbano). A definição do local a ser recapeado é decidida semanalmente, em reuniões com os representantes de cada região e atendendo as reclamações de urgência e emergência.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime