11.07.2011 | 11h35


CIDADES

Candidatos ao cargo de conciliador querem anular prova

INARA FONSECA   10h40
DA REDAÇÃO

Revoltados com o processo seletivo do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), os candidatos a vaga de conciliador do Poder Judiciário do Estado querem denunciar possíveis falhas no concurso. Cerca de 60 pessoas não conseguiram fazer as provas, no Centro Universitário de Cuiabá (UNIC), campus Beira Rio, devido ao trancamento dos portões. Eles acusam a instituição de fechar antes do horário previsto, 7h30. "Cheguei antes das 7h30 e os portões já estavam fechados. Uma palhaçada!", reclamou a bacharel em Direito, Bruna Sabino. 

Lucas Soares, estudante do Direito do 7° semestre, também relatou problemas com o horário do processo seletivo. "Cheguei 20 minutos antes e os portões já estavam fechados. Não houve comunicação com os participantes. Queremos o cancelamento do concurso e vamos denunciar ao Ministério", disse.

Segundo os candidatos, os horários da prova não foram divulgados no edital, publicado do dia 16 de maio. "10 dias antes da prova, ainda não haviam informado nem a data, nem o horário das provas. Tive que ligar no Fórum para obter os dados. Lá, informaram que seria dia 10, às 8h, na UNIC, mas não falaram nada sobre o horário que deveria chegar", explicou Bruna Sabino.

Outra reclamação dos candidatos é sobre um suposto descaso da coordenação do concurso do TJMT. De acordo com Rafaelle Monteiro, bacharel em direito, um rapaz da organização informou aos candidatos que nada poderia ser feito. "Ele chegou lá gritando: "Estava tudo muito claro, eu não posso fazer nada. Quem achar ruim, entre com recurso no Fórum". Foi um grosso", afirmou.

O processo seletivo para preenchimento de 64 vagas de conciliador foi realizado no último domingo (10). Ao total, cerca de 700 pessoas se inscreveram para o cargo. As vagas são destinadas aos Juizados Especiais Cíveis e Criminais do estado. A remuneração máxima dos cargos é de R$ 1,5 mil.

Outro lado

De acordo com a assessoria do TJMT, o edital do concurso foi claro quanto ao horário de chegada dos candidatos, até as 7h30, e início da prova, 8h. A assessoria ainda informou ao RepórterMT que, em instantes, emitirá nota oficial sobre o caso.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO