20.01.2020 | 10h01


ULTRAPASSAGEM PERIGOSA

Batida entre 4 carretas deixa motorista gravemente ferido em rodovia de MT

A Rota do Oeste, que administra o trecho, informou que o acidente aconteceu no momento em que um dos veículos fazia ultrapassagem na BR-163.


DA REDAÇÃO

Uma batida entre quatro carretas no km 635 da BR-163 deixou um gravemente ferido na tarde desse domingo (19), em Nova Mutum (242 km de Cuiabá).

Segundo a concessionária Rota do Oeste, que administra a rodovia, o acidente aconteceu no momento em que uma carreta Volvo fazia ultrapassagem e atingiu a lateral de uma Scânia que seguia no sentido contrário.

Ao tentar retornar para sua pista, a Volvo bateu contra a traseira da carreta que tentava ultrapassar, também Scânia. Para não bater, uma quarta carreta saiu de pista.

O motorista da Volvo, nome não informado, foi atendido pela equipe médica da Rota do Oeste e encaminhado em estado grave para o Hospital Santa Rosa, em Nova Mutum.

Uma segunda vítima também foi encaminhada ao hospital, com ferimentos leves. O atual estado de saúde não foi informado. 

A Rota do Oeste sinalizou o local eo  trecho passou ser operado no sistema de 'Pare e Siga' até a conclusão dos trabalhos, como terida dos veículos da pista.

Outro caso

Na noite de sábado, um acidente envolvendo quatro veículos deixou um morto e um gravemente ferido na BR-163, a 5 km do posto da Rota do Oeste, em Sorriso (400 km de Cuiabá).

Luiz Carlos Paulini, 50 anos, era condutor do Renault Sandero que ao tentar realizar ultrapassagem a uma Toyota Hilux SW4 e a uma carreta tanque, bateu de frente com uma Mercedes Benz. Com o impacto, o Sandero foi arremessado, bateu na lateral da carreta tanque e, em seguida, de frente com a Hilux. 

Luiz Carlos, que seguia de Lucas para Sorriso, morreu na hora. A mulher dele foi internada em estado grave. Veja aqui

 











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Alberto  20.01.20 14h47
A Policia Rodoviária tem que estar mais atenta nessas estradas de MT. O abuso de caminhoneiros, tentando ultrapassagens em locais impróprios é constante, principalmente em subida. Muitos carros de passeio são obrigado a se deslocarem para o acostamento para evitar batidas. Na estrada de Cuiabá a Cáceres, isso é muito frequente.

Responder

0
0

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO