16.06.2011 | 20h00


CIDADES

Agecopa: Vila Militar de VG será transformada em terminal de ônibus

DA REDAÇÃO  18h45

A direção da Agecopa reuniu-se nesta quinta-feira (16.06) com representantes da Infraero, do Comando da Aeronáutica e da Secretaria do Patrimônio da União (SPU) para discutir as intervenções viárias planejadas para a região do Aeroporto Internacional Marechal Cândido Rondon e a decorrente remoção da Vila Militar, situada ao lado do terminal aeroportuário.

A principal obra na área será a construção do novo terminal de transporte coletivo de Várzea Grande, que ficará localizado onde hoje estão situados os hangares. Para interligar a avenida João Ponce de Arruda, que passa em frente ao aeroporto, até o terminal será necessária a extensão da via em cerca de 800 metros, trecho que cortará a Vila Militar.

O presidente da Agecopa, Eder Moraes, afirmou que todas as cessões realizadas pela União serão ressarcidas pelo Estado de Mato Grosso. O assessor jurídico do Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo no Centro-Oeste e Sudeste (Cindacta I), João Alberto Capilupe, destacou que haverá cooperação total do órgão na viabilização das obras da Copa.

"A única contrapartida que solicitamos é a reconstrução de todas as benfeitorias da Vila Militar em uma área que não fique muito distante do aeroporto, pois hoje os controladores de vôo residem lá", falou Capilupe.

A Vila abriga 15 residências e um clube de lazer em uma área de 75 mil metros quadrados. Um equipamento de navegação também terá de ser removido em virtude dos projetos de adequação viária.

O assessor jurídico destacou que a Aeronáutica cogita três possibilidades de áreas para a reconstrução das residências. A primeira delas seria dentro dos limites do sítio aeroportuário, a segunda em uma região próxima ao 44º Batalhão do Exército e a terceira em algum local cedido pelo Estado. O Superintendente da SPU, Milton Fiorenza, realizará os levantamentos de custos de remoção e reconstrução das benfeitorias e apresentará o relatório novamente à Agecopa.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO