14.11.2017 | 15h09


MUNDO

Homem tatua 40 mil cruzes no corpo todo em defesa dos animais

Ele se tornou vegetariano e passou a se dedicar a defender os direitos dos animais.



Três anos atrás, a vida de Alfredo Meschi deu uma guinada bem radical. Ele se tornou vegetariano e passou a se dedicar a defender os direitos dos animais.

O auge da nova vida do mexicano ocorreu quando Alfredo, de uma família de pescadores e caçadores, decidiu tatuar no seu corpo 40 mil pequenas cruzes a fim de se tornar uma "performance permanente" e um manifesto contra abatedouros e "animais vítimas da nossa socidade".

As tatuagens, diz o ativista, foram feitas com tinta vegana, contou o site "Konbini".

"A cada segundo, nada menos que 40 mil anmais são mortos com o propósito de saciar o nosso apetite. Quis capturar e preservar isso para sempre na minha pele", afirmou o mexicano.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER