09.01.2019 | 08h47


PRATICIDADE

Atualização do WhatsApp permite responder mensagens em particular nos grupos

Função já está disponível para Android e iOS.



Já está disponível para Android e iOS uma atualização do aplicativo que permite simplificar a troca de mensagens em grupos. Agora é possível selecionar uma mensagem específica em um grupo e respondê-la em particular para o contato. Antes era possível interagir dessa forma, apenas através da opção "Conversar com".

A diferença entre as duas alternativas é que a resposta em particular cria marcação sobre o nome do contato, facilitando a identificação da origem da conversa. Para usar o novo recurso siga os passos descritos abaixo:

1 - Abra o app do WhatsApp, acesse as conversas do grupo e toque sobre a mensagem para selecionar o contato com que deseja responder;

2 - Toque no ícone em formato de "três pontinhos" posicionado no cantor superior direito da tela;

3 - Selecione a opção "Responder em particular". Essa funcionalidade iniciará uma nova tela de conversa com o usuário da mensagem original com uma uma marcação que, quando tocada, remete para o trecho da conversa no grupo. Os outros membros do grupo não poderão visualizar a mensagem enviada como resposta.

Funcionalidades previstas para 2019

 

Estão previstas outras novidades para este ano, de acordo com o blog oficial do desenvolvedor. Em breve será possível contar com o modo noturno, videochamadas em grupo, execução consecutiva de mensagens de voz e visualização de mídias através da tela de notificações.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Enquete

GESTÃO

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora?

Excelente: MT foi destruído por governos anteriores

Bom: Está enfrentando problemss que ninguém quis enfrentar

Ruim: Não faz reformas de verdade e culpa o servidor

Péssimo: Vai conseguir ser pior que Silval e Taques

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER