03.01.2017 | 10h38


RESPOSTA A BEZERRA

Garcia chama 'cacique' de oportunista e diz que ele queria indicar vice de Mendes

Deputado Fábio Garcia rebate fato de Carlos Bezerra ter criticado a gestão de Mauro Mendes e citado que parques seriam desnecessários



As críticas do deputado Carlos Bezerra (PMDB), feitas no último domingo (1°), às obras de parques públicos, construídos pelo ex-prefeito Mauro Mendes (PSB), provocaram ‘ácida’ resposta do presidente regional do partido, o deputado federal, Fábio Garcia, que por meio de nota, disse que o cacique do PMDB está sendo oportunista e relatou que ele insistia em indicar um nome de seu partido para ser vice na chapa do ex-prefeito, antes de ele dizer que não sairia à reeleição.

"Ao fazer essas críticas, Bezerra falta com a verdade com a população cuiabana e mostra um reprovável oportunismo. Ao contrário do que diz agora, o presidente estadual do PMDB buscou por muito tempo diálogo com o nosso partido querendo indicar o candidato a vice na chapa do Mauro", disse Garcia.

"Ao fazer essas críticas, Bezerra falta com a verdade com a população cuiabana e mostra um reprovável oportunismo. Ao contrário do que diz agora, o presidente estadual do PMDB buscou por muito tempo diálogo com o nosso partido querendo indicar o candidato a vice na chapa do Mauro. Na ocasião, o peemedebista não poupava elogios à gestão do prefeito Mauro Mendes”, disse Garcia.

Na cerimônia de posse do prefeito Emanuel Pinheiro, Bezerra disse que Mendes não enfrentou os problemas crônicos da cidade e afirmou que “o povão” de Cuiabá “não precisa somente de parques e fontes luminosas”.

Ao rebater o peemedebista, Garcia frisa ainda que Bezerra precisa se informar melhor sobre a Capital ao lembrar que além destes importantes espaços públicos gratuitos como o Porto Cuiabá, Parque das Aguas e Tia Nair, Mauro Mendes fez o maior programa de asfalto da história do município ( 300 km de asfalto novo), entregou duas novas unidades de pronto atendimento (UPA), inaugurou um novo hospital depois de 31 anos (São Benedito), construiu 22 novas escolas e creches e projetou e iniciou o novo pronto-socorro que está com 60% da obra concluída.

O presidente do PSB defende que a administração de Mauro Mendes foi eficiente, austera e com respeito ao dinheiro público. Segundo ele, por reconhecimento, a população repudiou imediatamente as críticas do “cacique” do PMDB.

"A melhor resposta para o posicionamento inadequado e impróprio do deputado Carlos Bezerra foi a sonora vaia recebida por ele na posse do prefeito Emanuel Pinheiro ao criticar Mauro Mendes", ressaltou.

Garcia frisou que o momento atual exige dos políticos menos discursos, menos picuinhas e muito mais trabalho e união para vencer a atual crise que afeta a todos.











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Willian  03.01.17 16h09
Aff, olha quem vem falar de oportunismo!!! Pasmo aqui...

Responder

0
0
Eduardo Alvarenga  03.01.17 11h36
Esse Bezerra e um morto vivo oportunista; nunca vi ele fazer nada de resultado bom para o estado. Se não me engano, quem mesmo estava no controle da gestão do prédio do INSS de Cuiabá quando pegou fogo!!! Alguém sabe ???

Responder

9
1

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER