11.08.2017 | 16h20


"FARDA SUJA"

Policiais são exonerados da PM por cobrar propina para livrar traficantes da cadeia

Ambos estavam lotados em Cuiabá e fora detidos após a Corregedoria da PM identificar que eles cobravam de R$ 10 a 15 mil para que traficantes não fossem presos.


DA REDAÇÃO

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Marcos Vieira da Cunha, exonerou o cabo Reinaldo Jorge Magalhães e o soldado Renato Carradine de Souza de suas atribuições militares. Ambos foram detidos em 2015 por cobrar propina para não prender traficantes de drogas em Cuiabá.

A expulsão dos militares foi publicada no Diário Oficial, que circula nesta sexta-feira (11).

Ficou determinado o recolhimento da identificação funcional, do fardamento e dos apetrechos que pertencem ao Estado e que estejam em posse de ambos.

Conforme apurado pela Corregedoria da Polícia Militar, eles cobravam propina de R$ 10 a R$ 15 mil para que traficantes da Capital não fossem presos, principalmente, no bairro Santa Izabel. Os casos teriam sido registrados em agosto de 2015.

Ainda foi apurado que eles ‘liberavam’ o porte ilegal de armas, e autorizavam a continuidade do fornecimento de drogas.

Conforme trecho da exoneração, ambos foram excluídos do quadro da PM “[...] por ter cometido os fatos descritos na peça acusatória, violando os valores éticos, morais, deveres e obrigações previstos no Artigo 12 e 13, itens 1 e 2, bem como dos itens 1, 6, 7, 8 do Regulamento Disciplinar da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso (RDPMMT) [...]”.

À época, a prisão foi determinada pela juíza da 7ª Vara Criminal, Selma Rosane. Eles foram detidos na sede do Comando Geral da Polícia Militar.











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Benedito costa  12.08.17 10h55
O comando da policia agou corretamente em expulsar esses caras da policia e assim devem agir da mesma forma com o outros que cometerm deslizes na policia. Tem que moralizar, so assim o cara vai pensar duas vezes ao entrar no quadro. Policia é pra combater o crime correndo atraa do bandido e nao participar com ele.

Responder

2
0

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER