08.08.2018 | 08h20


É O FIM

Pai estupra filha de 12 anos e promete brinquedo em troca de silêncio

O acusado também teria abusado sexualmente das outras duas filhas.


DA REDAÇÃO

Anderson Barreto foi preso, na segunda-feira (06), acusado de estuprar a filha de 12 anos, na cidade de Paranatinga (a 583 km de Cuiabá). Ele pediu para que a vítima não contasse nada e em troca do silêncio ela ganharia um par de patins, e que se fosse o caso dela engravidar era para realizar um aborto.

Barreto teria estuprado a filha há 15 dias, mas a menina resolveu expor a situação para a mãe só agora, alegando que estava com medo e constrangida diante da situação.

O casal ainda tem mais duas filhas, que também teriam sido abusadas, em anos anteriores pelo pai, segundo a denúncia.

À Polícia Militar, a menina que sofreu o abuso mais recente contou que estava trocando de roupa em seu quarto depois de ter chegado da escola, quando foi surpreendida pelo pai que a estuprou.

Quando a garota expôs a situação, a mãe descobriu que Barreto já havia estuprado as outras duas filhas, que também não denunciaram o pai por medo das ameaças.

A mulher relatou o caso à polícia que prendeu Barreto.

O caso é investigado pela Polícia Civil e acompanhado pelo Conselho Tutelar.

Leia mais 

Filho de pastor é acusado de estuprar garota em aula de canto

Bombeiro é acusado de estuprar adolescente em banheiro de clube

Vizinhos surram homem por estuprar o neto de um ano em Rondonópolis

Homem que estuprou menina tem pênis cortado e é morto a facadas em MT

Padrasto estupra e engravida enteada em Cuiabá 











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Juniores  08.08.18 09h06
bom de pegar esse patins e enfiar na guela desse safado

Responder

10
0

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER