28.04.2019 | 08h50


FLAGRANTE

Mulher é presa por tentar entrar na cadeia com celulares na vagina

O caso foi registrado no município de Barra do Garças, na tarde de sábado (27).



Policiais militares do 2º Batalhão em Barra do Garças (509 km de Cuiabá) prenderam uma mulher, identificada apenas pelas iniciais J.S., de 32 anos, no momento em que ela tentava entrar na cadeia da cidade com dois aparelhos celulares escondidos na vagina.

O caso foi registrado por volta das 14h30 de sábado (27) depois que a acusada se recusou a passar pelo detector de metais para visitar o presidiário W.P.S. Ao perceber que seria revistada, ela saiu correndo do local.

Os agentes então acionaram a Polícia Militar, que fez rondas pela região e encontraram J.S. próxima a uma motocicleta. Abordada, entrou em contradição sobre o motivo de ter ido à cadeia.

Já na Central de Flagrantes, a suspeita foi revistada por uma policial feminina, que encontrou na calcinha de J.S. um fone de ouvido bluetooth, foi quando os militares decidiram levá-la até o Pronto-Socorro onde foi submetida a um exame de raio-X.

No exame, os PMs descobriram que J.S carregava dois aparelhos celulares dentro da vagina. Indagada, a mulher contou que, um dos aparelhos foi entregue a ela, pela mãe de W.P.S. e o outro por um homem não identificado, ambos para serem entregues ao reeducando. 

Diante do flagrante, os militares deram voz de prisão à criminosa que foi levada para a Delegacia de Polícia Civil, juntamente com os celulares.

Leia mais:

Preso engole celular para ficar conectado na cadeia se da mal











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER