16.05.2019 | 09h00


CALOTE DE R$ 1 MILHÃO

Justiça dá 15 dias para Bezerra pagar dívida de campanha após 17 anos

Parlamentar deu cheque sem fundos para gráfica, que prestou serviços para sua campanha em 2002.


DA REDAÇÃO

O deputado federal Carlos Bezerra (MDB) foi intimando pela Justiça e tem 15 dias para pagar uma dívida de R$ 1.161.400 milhão referente a  material de campanha. O político teria contratado os serviços da Gráfica Centro-Oeste, que pertence ao Grupo Gazeta de Comunicação, e pago com um cheque sem fundos.

O valor ainda deve ser atualizado pela taxa do INPC e Bezerra terá que pagar 10% de honorários advocatícios. A decisão é da juíza da 10ª Vara Criminal, Sinii Savana Bosse Saboia Ribeiro e foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico (Dje), no dia 29 de abril.

A dívida é referente à campanha política da coligação "Frente Cidadania e Desenvolvimento", de 2002.

Nos autos, Bezerra alega que não contratou os serviços da gráfica e diz que somente iniciou uma operação com a Cuiabá Vip Factoring Fomento Mercantil, deixando apenas um cheque caução no valor de R$ 1 milhão. Ele afirmou que a operação não se realizou e o título não lhe foi devolvido, por isso requer que seja declarada a inexistência do negócio jurídico e nulidade do título de crédito. O deputado está processando a empresa.

A magistrada julgou improcedentes as provas apresentadas pela defesa, pois não comprovam a argumentação e conclui que o cheque foi destinado à Gráfica Centro-Oeste.

De acordo com a sentença de 3 de maio de 2017, foi apresentado pela parte exequente o cheque do réu, para fomento, à requerente Vip Factoring, de acordo com o termo aditivo do contrato de Fomento Mercantil firmado entre as empresas.

Foram anexados na ação comprovante de recebimento de santinhos e cartazes para a campanha eleitoral.

Leia mais: 

TRE mantém reprovadas contas de campanha de Carlos Bezerra











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Roberto  17.05.19 21h17
Malandro !

Responder

0
0

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER