06.12.2017 | 07h00


R$ 2,1 BILHÕES

Deputados aprovam projeto para Governo renegociar dívida com a União

A partir de agora, o projeto segue para a sanção do governador Pedro Taques (PSDB) e deve ser enviado ao Governo Federal até a próxima quinta-feira (7).


CAROL SANFORD

Os deputados estaduais aprovaram, em duas sessões plenárias na noite de terça-feira (5), o projeto de lei que autoriza o Governo do Estado a renegociar a dívida de R$ 2,1 bilhões com a União.

Os 19 deputados que estavam no Plenário, inclusive da oposição, votaram a favor da renegociação. A partir de agora, o projeto segue para a sanção do governador Pedro Taques (PSDB) e deve ser enviado ao Governo Federal até a próxima quinta-feira (7).

“Nós já havíamos aprovado na semana passada a renegociação da dívida com o BNDES e já está com a Secretaria de Fazenda. E esta que aprovamos, em segunda [votação], faz parte da mensagem 104 que prevê a renegociação da dívida de R$ 2,1 bilhões que retroage para R$ 1,8 bilhão tendo um ganho de R$ 233 milhões e ainda outro ganho de 10 anos no valor de R$ 110 milhões anuais”, disse o líder do Governo na Assembleia.

O refinanciamento representa a diminuição de 44% do fluxo de caixa anual da dívida pública com relação à aplicação da Lei Complementar Federal nº 148.

A renegociação só foi possível com a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional do Teto de Gastos, que ocorreu no último dia 22 de novembro.

A proposta limita o crescimento das despesas primárias (gasto com folha e custeio) do Estado aos índices da inflação pelos próximos cinco anos e concede fôlego ao Governo para superar uma das maiores crises econômicas do Estado.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER