01.10.2017 | 07h50


OUTUBRO ROSA

'Autoexame das mamas salvou a minha vida', conta pedagoga

A pedagoga contou sua história e destacou a importância do autoexame, maneira pela qual ela descobriu o nódulo. Além disso, explicou o trabalho desenvolvido pelo MTMamma.


DA REDAÇÃO

Aos 35 anos, a pedagoga Vania Silvéra de Souza descobriu um nódulo na mama esquerda e, desde então, sua vida tomou um novo rumo.

Após cirurgia para retirada da mama direita, sessões de quimioterapia, perda dos cabelos e das unhas, ela continua em tratamento e trava uma luta para levar informação para mais mulheres sobre o diagnóstico precoce.

Integrante do MTMamma, amigos do peito - Associação de Apoio a Pessoas em Tratamento e Pós-Tratamento do Câncer de Mama de Mato Grosso, Vania se une a centenas de mulheres neste Outubro Rosa, quando acontece a Campanha de Prevenção ao Câncer de Mama, para chamar a atenção sobre a doença, que segundo dados da Agência Internacional para a Pesquisa do Câncer, é o tipo de câncer mais comum e que mais mata mulheres em todo o mundo.

Em entrevista ao , a pedagoga contou sua história e destacou a importância do autoexame, maneira pela qual ela descobriu o nódulo. Além disso, explicou o trabalho desenvolvido pelo MTMamma.

Confira a entrevista:

 











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Flavio Almeida  01.10.17 09h54
Vania minha amiga. Mulher de fé!

Responder

15
2

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER