20.04.2019 | 14h53


CONTROLE DE VIAGENS

Servidor pode responder PAD e devolver dinheiro de diárias se não prestar contas



Portaria publicada pelo Governo do Estado determina que, a partir de agora, os servidores terão direito ao máximo de 10 diárias ao mês e deverão prestar contas do uso do valor recebido.

A determinação exige a apresentação de documentos e comprovantes relacionados à atividade de trabalho que o servidor deve ter exercido durante a viagem para a qual recebeu diária.

Em normas fixadas pelo secretário da Casa Civil, Mauro Carvalho prevêem que quem não apresentar a comprovação exigida terá o valor de diária, que recebeu, descontado no próximo salário e responderá processo administrativo disciplinar.

A medida publicada no Diário Oficial do Estado ocorre como parte de uma série de outras ações para cortar gastos.











(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Laura Pereira  22.04.19 12h10
Puts Desde sempre foi assim e agora é merito de MMendes. Kkkkkkkkkk só rindo mesmo.

Responder

0
0
Servidor concursado   21.04.19 22h33
Nossa que desserviço de informação. O atual sistema de concessão de diárias é exatamente assim que funciona. Tá ruim hein secretário Mauro Carvalho. Vai estudar mais o Estado pra não passar vergonha no crédito

Responder

1
0
joana  20.04.19 19h05
PODE RESPONDER.... KKKKK servidor publico que for pego fazendo coisa errada precisa ser EXONERADO

Responder

3
2

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER