15.03.2019 | 13h44


PROTESTO NO ALENCASTRO

Motoristas de Uber pressionam prefeito para não sancionar taxação do serviço



Motoristas de aplicativos Uber e 99 Pop, que atuam em Cuiabá, mobilizama  acategoria para manifestação em frente à Prefeitura a patir das 16h para pressionar o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) a não sancionar o projeto de lei aprovado na quinta-feira (14), que prevê a taxação do serviõ de transporte na Capital.

A manifestação tem o apoio de vereadores contrários à medida, como Diego Guimarães (PP), Dilemário Alencar (PROS) e Marcelo Bussiki (PSB).

O projeto foi aprovado com 13 votos favoráveis e 8 contrários e prevê que a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) passará a vistoriar os veículos usados pelos motoristas por uma taxa de R$ 155,00 e também será cobrado R$ 0,05 centavos por km rodado em Cuiabá.



 

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER