20.04.2019 | 08h30


APÓS SUCESSIVAS DERROTAS

Lúdio Cabral descarta concorrer à Prefeitura de Cuiabá em 2020



Após amargar sucessivas derrotas em campanhas pela Prefeitura de Cuiabá e pelo Governo do Estado, o médico Lúdio Cabral (PT), que conseguiu se eleger deputado estadual, em 2018, descarta deixar sua cadeira na Assembleia Legislativa para tentar novamente o cargo de prefeito da Capital cuiabana em 2020.

O nome de Lúdio vinha sendo especulado, mas a possibilidade foi negada à imprensa pelo próprio petista, na última semana.

Para o deputado, o caminho para o PT na próxima eleição em Cuiabá, não é representar uma campanha majoritária e sim compor com outro partido em uma aliança.

Derrotas

Antes de ser eleito em 2018, o último cargo eletivo ocupado pelo petista foi de vereador de Cuiabá em 2006, a partir de então Lúdio amargou uma série de derrotas nas urnas.

Em 2010, se candidatou à uma vaga na Assembleia Legislativa, mas não obteve votos suficientes.

Já em 2012, amargou nova derrota, dessa vez na disputa à Prefeitura de Cuiabá, perdeu para Mauro Mendes.

Em 2014, quis ocupar o Palácio Paiguás, perdendo para Pedro Taques (PSDB).

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER