22.06.2010 | 17h53


Genro de Célia Cury obtém liminar para voltar a atuar como advogado

Genro da advogada Célia Cury, esposa do desembargador aposentado José Tadeu Cury, o advogado Rodrigo Vieira Komochena, afastado provisoriamente pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT), é o primeiro de um grupo de seis a conseguir liminar contra a decisão da Instituição que os proibiram temporariamente de exercer a função.

O juiz da 20ª Vara Cível da Comarca de Cuiabá, João Ferreira Filho, foi quem deferiu o pedido de liminar impetrado pelo advogado Rodrigo Vieira Komochena contra a decisão da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT).

Rodrigo juntamente com outros cinco advogados, é investigado por envolvimento no esquema de venda de sentenças e exploração de prestígio junto ao Judiciário mato-grossense, apurado pela Operação Asafe deflagrada em maio pela Polícia Federal. E a OAB-MT havia proibido-os de exercerem a advocacia até a conclusão do processo administrativo que investiga o caso.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER