07.10.2010 | 20h28


Crise na Agecopa: Eder Moraes estaria "de olho" na presidência

Tão logo foi ventilada a possibilidade da saída de Sachetti, as articulações de bastidores foram iniciadas. O secretário-chefe da Casa Civil, Eder Moraes, já começou a se movimentar e mostrar interesse pelo cargo. Para ele, deixar a Casa Civil e assumir a Agecopa seria um ótimo negócio.

Isso porque Eder, que desempenhou um trabalho efetivo na Secretaria de Fazenda no sentido de aumentar a arrecadação do Estado - para isso tendo que "peitar" setores produtivos e do comércio, o que gerou a si e ao governo grande desgaste -, não tem mostrado o traquejo necessário para o atual cargo. estritamente político.

Tal fato, aliás, já preocupa o governador reeleito Silval Barbosa (PMDB), que terá que contemplar vários aliados em seu próximo secretariado, inclusive, muito possivelmente, mexendo na Casa Civil.

A possível ida de Moraes para a Agecopa, nesse sentido, seria interessante para Silval.

"O Éder gosta do setor de esportes, inclusive vem tentando ser o novo presidente da Federação Mato-grossense de Futebol. A Agecopa seria uma boa para ele", disse a fonte.

Na última terça-feira, Eder foi sondado por um colega secretário sobre o assunto. Ele disse que a possibilidade lhe agradava.

as informações são do jornalista Ramon Monteagudo











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER