12.06.2019 | 15h00


MOTOGARÇAS

Com dívidas de R$ 26 milhões, grupo de ex-deputado entra em recuperação judicial



O Grupo Motogarças, de propriedade do ex-deputado estadual Adalto de Freitas Filho, o Daltinho, entrou em recuperação judicial por dívidas que somam quase R$ 26 milhões.

Consta no processo que os problemas financeiros começaram em 2013, devido à crise iniciada no Governo Dilma Roussef (PT). Em seu melhor momento, o conglomerado chegou ter 16 empresas em dezenas de municípios de Mato Grosso.

O grupo é composto pela Administradora Bela Formosa, Prestal P. Serviços, Locadora Águas Xingu Ltda, San Lorenzo Park Hotel e Motogarças. O faturamento anual já atingiu R$ 80 milhões.

A decisão do juiz João Filho de Almeida Portela, da Segunda Vara Cível de Barra do Garças, que autourizou a recuperação judicial foi dada no fim do ano passado, mas publicada somente este mês no Diário Oficial de Justiça.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER