19.06.2017 | 09h09


VAQUINHA

Amigos fizeram cota para enterrar soldado PM morto por sargento no Tijucal



Amigos e familiares do soldado Kenedy Campos da Costa, 25, morto com um tiro no peito, depois de abordar o sargento Jorge Roberto da Silva, 42, durante uma na noite de sábado (17), no bairro Tijucal, em Cuiabá, precisaram fazer vaquinha para arcar com velório e sepultamento do militar, no domingo (18). A indignação tomou conta da família do soldado.

A PM não se pronuncia, mas ressalta que ambos estavam fora de serviço no momento do incidente. O soldado abordou o sargento acreditando estar em carro roubado.
Kenedy foi morto na abordagem, já que o sargento sacou a pistola e atirou por, segundo ele, pensar que se tratava de assalto. Jorge Roberto Silva também foi baleado e está internado. Os militares estavam à paisana. 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER