09.06.2018 | 14h40


VEJA O VÍDEO

Preso terá que pagar pela 'hospedagem'; Juiz cobra mais atenção e amor



Um projeto de Lei aprovado pelo Senado obriga presos a pagar pelas despesas que gera para o Estado. O juiz da Segunda Vara de Execuções Penais de Cuiabá, Geraldo Fidélis, comenta o assunto numa polêmica entrevista e defende que o Governo gere condições para que o preso trabalhe.

Fidélis critica os exageros dos direitos humanos, mas admite que o sistema está falido e que o preso deve ser tratado com mais dignidade chegando até, a falar em amor  e de atenção. 

Atualmente, cada um dos mais de 11 mil presos de Mato Grosso, custam cerca de R$ 2 mil ao Estado.

O juiz também alerta que sem atividades laborais, além dos presos custarem caro ao Estado, têm transformado as unidades penitenciárias em verdadeiras faculdades do crime, saindo de lá mais perigosos do que entraram. Veja chamada. 

 

Clique aqui e veja na íntegra. 











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

iracildo  11.06.18 11h52
Parabéns Sr. Juiz pela atitude

Responder

7
0
João   09.06.18 17h44
Tomara mesmo que seja aprovado,só assim vao penariz direito antes de cometer um crime e se cometer tera que trabalhar.

Responder

17
0

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER